E viva Papai Noel!



Neste domingo, dia 06 de dezembro, o Clube de Regatas Flamengo, sagrou-se campeão do Campeonato Brasileiro 2009. Uma surpresa, pois muita gente não acreditava nesta vitória. Embora não seja flamenguista, sou vascaína de coração e alma, não poderia deixar de parabenizar o time, afinal sou carioca. E apesar de não ser muito fã e amiga deste time, tenho de admitir que ele chegou lá, mais uma vez. Ah, não podemos esquecer de falar no Botafogo e no Fluminense, que por uma graça divina não foram rebaixados a segunda divisão. E o meu vascão em 2010 estará de volta ao clube dos grandes e quem sabe não será o próximo campeão carioca ou brasileiro. Torcida não vai faltar.
Enfim, todo esse lero-lero, sobre futebol foi a forma que encontrei para entrar no tema de hoje. Chegamos a dezembro, um mês de muita festa, afinal dia 25 de dezembro comemoramos o natal, uma data que considero a mais bonita do ano. E uma das figuras mais conhecidas e vistas nesta época é o nosso querido, alegre, sorridente e bondoso "Papai Noel".
E não existe lugar onde esta figura foi mais bem retratada e representada do que no cinema. Papai noel até hoje é assunto para muitos e muitos filmes. Sempre amigo, simpático e carismático.
Portanto, para alegria das crianças e dos fãs desta ilustre figura, vamos ao que interesse, filmes e mais filmes que falam do papai noel. Os melhores para mim são:
1) "Santa Claus, o papai noel" = para mim um clássico e um dos melhores ja feitos sobre o assunto. Todo ano era sagrado, chegava dezembro e o SBT, passava em sua sessão dominical este famoso filme que conta de forma alegre e bonita a história do bom velhinho. Eu adorava. Na história, um senhor que faz brinquedos, por acaso se torna o papai noel e a partir de então, passa a distribuir sonhos a todas as crianças. Temos um personagem muito legal, interpretado pelo saudoso Dudley Moore (o cara de "mulher nota 10") que é um duende. Ele é o grande amigo e ajudante de noel. Os dois se juntam e vivem uma aventura fantástica, repleta de magia, confusões e luta do bem contra o mal, este personificado na figura do ator Jon Lithgom, um homem rico que quer conquistar o mundo e consequentemente o natal. Muito bonito. Quem não viu, por favor, pegue. Pode confiar, vale a pena.
2) "Milagre na rua 34" = Lindo e perfeito. O filme é de 1947 e para mim o melhor. Na história, um senhor trabalha em uma loja de departamentos vestido como papai noel. Lá ele conhece a pequena Susan, interpretada pela Natalie Wood (uma criança antes de despontar para o sucesso). Por causa da influência de sua mãe (a ótima Mauren H'ora), a menininha não acredita em papai noel. Então, cabe ao bom e velho senhor provar que ela esta enganada e que ele de fato existe. Mágico e cativante. Em 1994, ganhou uma nova versão. Porém, esta aqui não é tão boa quanto a original. Mas, mesmo assim, agrada aos fãs.
3) " Papai noel existe" = um bom filme, estrelado pela ex pantera, Jacelyn Smith. Na trama, uma dona de casa tenta ajudar papai noel a não perder sua querida casa, pois uma empresa de petroleo, onde seu marido trabalhar tem intereses financeiros na região em que ele mora. Comovida, ela se torna amiga do bom velhinho e a partir daí, começa uma aventura na tentativa de que sua casa não seja destruída. Ela passa a acreditar na existência de papai noel e no verdadeiro sentido do natal. Não é um grande filme, mas distraí.
4) "Meu papai é noel" = divertido. Estrelado pelo ator Tim Allen, um bom comediante. Na trama, papai noel cai no telhado de um homem e é informado pelo mesmo, que devido a alguns problemas, ele será o responsável em cumprir a tarefa de entregar presentes a todas as crianças na véspera de natal. Alegre e simples, um bom filme, que agrada tanto crianças como. Teve mais duas continuações, não tão boas.
5) "Rudolph, a rena do nariz vermelho" = Meu Deus, é um desenho lindo, feito com bonecos. Marcou demais a minha infância e sempre passava no SBT. Quanta saudade!!! A história é linda, graciosa e tão bem contada. Rudolph, é uma rena que tem o nariz vermelho. Seu sonho é ser uma das renas de papai noel. Ápos algumas confusões e dificuldades, finalmente nosso personagem consegue o que tanto sonhou, se torna uma das renas e ainda ajuda papai noel a salvar o natal. O filme é bem antigo, pois eu devia ter uns seis ou sete anos quando o vi pela primeira vez. Uma boa pedida para a criançada.
A mágia do natal chegou através de um dos personagens mais cativantes que a literatura ja criou. Confesso a vocês: eu sou fã do papai noel............rsrsrs.

15 comentários:

Marcelo A. disse...

Eu também sou fã do Bom Velhinho... Uahahahhaaaa!!!

Natal sempre traz ótimas recordações. Que saudades desses filmes que você citou! Só não me recordo de assistir "Rodolfo, a Rena do Nariz Vermelho" no SBT. Sempre vi na Globo. E "Milagre na Rua 34", embora seja o título original, não é tão bonito quando o "De Ilusão Também Se Vive" que recebeu aqui em terras brazucas...

Ei, senti falta de Natal Branco!

Bem, minha amiga, abração... e feliz natal pra todos!!!

Marcio Melo disse...

Para mim o melhor filme de natal EVER é "Papai Noel as Avessas (Bad Santa)" :) hehehe

Cleber P. Eldridge disse...

Não sou um grande fã do natal, por não conseguir entrar no clima, infelizmente!

it was RED - Para quem gosta de cinema disse...

Não conheço nenhum desses filmes; aliás, não me lembro de algum filme com a figura do Papai Noel como personagem principal. Com o Natal como plano de fundo me recordo de "Herói de Brinquedo" e, contrastando com o primeiro título, "A Felicidade Não Se Compra".

Deixei um presente adiantado de Natal para ti lá no blog. Feliz Natal! Beijos!

Reinaldo Glioche disse...

Tb sou fã do papai noel! rsrs Concordo com vc. Essa época é realemente mágica( especialmente com o flamengo campeão, para aproveitar o gancho. Gosto muito das duas versões de Milagre na rua 32. Mas os meus preferidos de natal são mesmo A felicidade não se compra e Papai Noel as avessas.
Bjs Cintia

Marcelo Augusto Cetreus disse...

Oi Cintia!

Enfim, o Natal. Talvez uma das melhores épocas do ano! Sou apaixonado pelo Natal, pelas tradições, pelo encanto e pelo querido Noel, rs.
Eu sou uma pessoa sensivel a filmes de Natal, porque eu me encanto facilmente. Me lembro de um, onde o Papai Noel vai a tribunal, e a menina tem que convencer todos os EUA que ele é o verdadeiro Noel. É incrivel como ela consegue convence-los!

Outro filme muito bom é aquele que tem Whooppi Goldberg, minhas FAVORITA atriz em comédias. Ela fez um filme no qual não acreditava em Noel, e ele próprio vem atras dela, pedindo para ela ser a sucessora dele no cargo! Maravilhoso, inesquecivel!

Agora, dos que citou, Milagre na rua 34 é um filme memorável. Apaixonante, eu diria! A menininha cativa, tudo cativa!

Ótima postagem de hoje! Fico feliz que tenha ido ver UP com seu filho, é uma boa escolha! Ainda prefiro Wall-E, mas entendo perfeitamente porque prefere UP :D

PS: Estou elaborando um clube de filmes, onde a cada semana, combinamos de assistirmos um determinado filme. Depois de uma semana, cada um criaria sua crítica e faríamos um debate, falando dos pontos positivos e negativos do filme, no final, poderíamos criar um pequeno folhetim virtual semanal, colocando os resultados da análise coletiva do filme. Este é um antigo projeto meu, o qual conseguiu grandes adeptos, mas nunca saiu do papel, porque ainda falta corpo! O que voce acha? Estou te convidando a fazer parte dele, caso ele saia verdadeiramente do papel!

Abraços!

bones disse...

ah eu sou fã do papai noel, escrevi minha cartinha em setembro.... hehehehe. A familia toda recebeu uma cópia.hehehehehehehe.
Toda Natal temos uma tradição: assistir os mesmos filmes.
- O grinch - O desenho do Cartoon Network
- O estranho mundo de Jack ( amamos)
- Um conto de Natal - (era o mais velho mas agora é o do Patrick Stewart - coisa de trekker)

FELIZ NATAL adiantado pra entrar no clima....ho ho ho

Renato Hemesath disse...

Olá Cintia. Ah faço das tuas palavras as minhas (clichê) enfim - "desculpe me pela demora também".

Estou pouco organizado esta semana, tanto que por esses dias nem havia atualizado o blog.. hoje que rapidamente dei o ar das graças por lá.

Agradeço pelas considerações que você fez. Como o blog ainda é bastante novo acredito que ainda está em um momento de modelagem, conforme as discussões, opiniões e afins é que conseguimos aderir à uma idéia mais central. Acho significativo, pois isso mostra que em tudo que nos propomos a fazer, é fundamental a participação do outro.

Bom, eu também adoro o Natal. Acho uma época excelente para refletirmos sobre os próprios valores que temos.
Preciso também dizer que tua escrita é bastante contundente e objetiva. Super parabéns. Sempre que possível, voltarei aqui.

Beijos!

Thiago Paulo disse...

Oi Cintia, eu também não sou muito fã do natal, não! Pelo menos, não da parte festeira, sabe? Mas, já vi muitos filmes com o tema e até gosto... Tem uns que nem tem o foco no Papai Noel, mas tem todo aquele clima, como é o caso de Esqueceram de Mim.

Bjs!!!

Cristiano Contreiras disse...

Puxa, bons tempos quando eu me reunia com minha mãe e uns primos pra assistir Milagre na rua 34...tinha até em vhs, muito bom!

natal tem algo mágico e que me define, tudo, tudo...desde às músicas aos enfeites natalinos, rs.

beijos e aparece!

Museu do Cinema disse...

Legal os clássicos natalinos Cintia. Gosto muito daquele com o Bill Murray, esqueci o nome.

Bom, mas quero comentar dos posts abaixo, o de A Passagem, linda sua resenha, e sobre o meu blog.

Me chamo Cassiano, adorei o que escreveu, obrigado pelas palavras.

Museu do Cinema disse...

* Onde falei A Passagem, leia, obviamente, A Partida.

Amanda Aouad disse...

Desses o que acho mais fofo é o "Milagre na rua 34", gosto da imagem do bom velhinho, mas quando traz a mensagem de amor que é o simbolismo real do natal, não com a imagem do consumismo, presentes, etc... Sem a presença da mensagem do Cristo, o natal se esvazia, tornar-se uma festa trsite.
E Museu do Cinema, creio que você esteja falando de "Os Fantasmas Contra-Atacam".

bjs

Caio Coletti disse...

Fala Cíntia!

Super legal como sempre o post, parecem todos serem bom filmes, também considero o Tim Allen um bom comediantes apesar do que dizem os críticos.

De qualquer forma, meu filme de Natal preferido é "O Expresso Polar". Tem um diretor brilhante que é o Robert Zemeckis, tem o Tom Hanks na melhor forma interpretando 5 personagens e uma técnica inovadora que faz o visual ser puro estouro. Claro, sem falar que a trama é inovadora, já que dessa vez ninguém está tentando impedir o Natal. É só a história de um menino que quer voltar a acreditar. Lindo, mesmo.

Abraços Cíntia!

Renan Barreto disse...

Cintia, meu comentário foi pras cucuias. rsrs Respondendo o seu comentário:

Cíntia... Fico realmente irritado. É que essa semana foi demais para mim. Hoje é o nosso dia. Dia dos palhaços. Somos palhaços mesmo. Ah. Concordo com vc, quem fala que rouba mais faz... está sendo complacente com essa canalhice. Cintia, muito obrigado pelo comentário.

Comentando... rs

O texto tá maneiro. E Que bom que os cariocas se deram bem. Da-lhe mengo, vascão, Fluzão e Fogão. Tava torcendo pros quatro. E natal não é natal sem os filmes do Esqueceram de mim, não é? rsrs Se bem que eu nem estou num clima muito natalino. Pra mim esse natal nem tá com cara de natal. rsr

Valeu, cintia. to correndo. Bjo

Postar um comentário